Notícias

Uma noite para ficar na história

Alunos do Projeto Escola Coxa participam de homenagem à Chapecoense, no Couto Pereira

A noite da última quarta-feira, 07, foi emocionante no Couto Pereira. No local onde seria o último jogo da Copa Sul-Americana 2016, entre a Chapecoense e a equipe do Atlético Nacional de Medelín, milhares de torcedores de todo o Brasil, lado a lado, participaram da homenagem protagonizada por alunos da Escola Coxa ao time catarinense. A equipe teve seu sonho interrompido pela queda do avião na Colômbia, na madrugada do dia 29.

Depois que os padres Emerson, João Maria, o colombiano Leonardo e o reverendo Antônio Jairo Porto Alegre dirigiram um culto ecumênico, por volta das 20h30, no Alto da Glória, os atletas da Escola Coxa entraram em ação. Ao som da música “Amazing Grace”, executada pela banda da Polícia Militar do Paraná, eles entraram em campo segurando 71 balões, no formato de estrela, como símbolo de todos os profissionais que se foram neste acidente.

A cerimônia continuou com muita emoção nas arquibancadas e, no horário que deveria ser o início da partida, os pequenos atletas, trajando camisetas com o escudo da Chapecoense e do Atlético Nacional, simbolicamente realizaram um ponta pé inicial, emocionando a todos os presentes. Em seguida, a luz do estádio se apagou e o som das arquibancadas tomou conta do Alto da Glória, enquanto os pequenos permaneciam no centro do gramado, iluminados por luzes verdes.

Entre os presentes, estavam o presidente do Coritiba, Rogério Bacellar, os vice-presidentes José Fernando Macedo, Gilberto Serpa Griebeler, Alceni Ângelo Guerra e Celso Luiz Andretta, o presidente do Atlético Paranaense, Luiz Sallin Emed, e vice-presidente do Paraná Clube, Christian Marcelo Fontes Knaut. Representando a Chapecoense, a Diretora Social do Clube, Cláudia Piazza.

1 Response

Deixe uma Resposta